Não quero te esquecer

Para mais poesia ouça I was made for loving you

Eu acabei de devorar duas cartelas de chiclete e gostaria muito de uma taça de vinho. Ou do uísque mais forte. Forte o suficiente pra ficar de ressaca e amanhã não lembrar de mais nada. Quem sabe, com sorte, dá algum tipo de revertério e eu esqueço mais do que o ontem. Esqueço logo tudo. Tenho amnésia seletiva e só esqueço você. Seria realmente ótimo.
Veja bem, jurei não te amar mais. Falei que se ainda te amasse o prédio poderia cair na minha cabeça ali e naquele momento, um raio caiu e o prédio tremeu. Meu coração parou por um instante. O universo veio me avisar que eu estava mentindo, mas eu já sabia disso, mesmo tendo a certeza de que falava a verdade.
Não teve romance hollywoodiano e nem foi uma grande história de amor, foi apenas umas dessas histórias chatas de duas pessoas que se apaixonam e não dão certo por tantos motivos que mal dá pra listar. Não faltou amor mas faltou tanta coisa que o amor não aguentou, mas ele ainda não morreu. Ah, quem me dera que sim. Seria fácil, seria só enterrar e fazer velório. Mas ele está em coma, não reage a tudo isso, não diz nada e não faz nada, não consegue; só que ele ainda está aqui tornando tudo mais difícil, e eu não consigo ser capaz de desligar as máquinas e libertar. Talvez eu tenha medo de dizer tchau e descobrir que é adeus. De deixar voar mas nunca mais voltar.
A completa verdade é que eu não quero te esquecer porque isso apagaria de mim uma parte (e pessoa) muito importante na minha vida. Só que eu queria que parasse de incomodar, que parasse de ficar uma vozinha calada lá no fundo que de tão quieta grita. Eu queria poder continuar minha vida sem que cada parte do meu corpo implorasse por você. Eu queria poder andar na rua sem a sensação de que você está em cada canto. Eu não quero mais te ver em todos os bonés, ou em todas as sorveterias, ou em todas as pipas. Eu não quero mais te encontrar em rostos estranhos. Eu não quero mais que meu coração pulse a cada vez que seu nome for citado, ou a cada vez que eu achar por um mero segundo que você passou por mim, ou porque em uma noite escura eu sonhei com você – pior ainda quando é dormindo e a sensação de realidade fica tão grande. Eu não quero ter que me preocupar com a sua presença aparecendo constantemente na minha vida através de detalhes tão idiotas mas que machucam tanto. Eu quero conseguir entender a sua ausência e fazer parar de doer. Eu quero me recuperar desse amor só que eu não sei nem por onde começar.

Anúncios

2 comentários sobre “Não quero te esquecer

Me conte sua opinião sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s